Bem vindo à Silbran

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Aduaneira:   
USD   2,056
EUR   2,582
DKK   0,3448
   Efetue sua pesquisa em nossas notícias

Silbran Clipping

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Saldo da balança soma US$ 619 milhões na terceira semana de março

Na terceira semana de março de 2009 (de 16 a 22), as exportações brasileiras somaram US$ 2,793 bilhões (média diária de US$ 558,6 milhões) e as importações US$ 2,174 bilhões (média diária US$ 434,8 milhões). Esses desempenhos garantiram um superávit (diferença entre os valores exportados e importados) de US$ 619 milhões (média diária de US$ 123,8 milhões) e uma corrente de comércio (soma das duas operações) de US$ 4,967 bilhões.

A média diária das exportações na terceira semana de março apresentou um crescimento de 7,5% sobre o desempenho verificado no mês até a segunda semana (US$ 519,7 milhões) em virtude de vendas de produtos básicos (+24,8%) e semimanufaturados (+8,7%). Nesse período, no entanto, observou-se queda de 4,3% nas exportações de manufaturados.

Fazendo-se a mesma comparação, as importações apresentaram desempenho médio diário 8,9% menor que o verificado no mês até a segunda semana de março (US$ 455,1 milhões), motivado, principalmente, por retração nos gastos com combustíveis e lubrificantes, equipamentos eletroeletrônicos, produtos químicos orgânicos e inorgânicos, farmacêuticos, instrumentos de ótica e precisão e produtos plásticos.

Mês

As exportações no mês, até a terceira semana de março, somaram US$ 7,990 bilhões com média diária de US$ 532,7 milhões. Por esse critério, houve uma queda de 15,5% sobre a média registrada em todo o mês de março de 2008 (US$ 630,7 milhões). Nessa comparação, foram observadas retrações nos embarques de manufaturados (-27,4%) – principalmente aviões, autopeças, automóveis, calçados, aparelhos celulares, laminados planos e motores e geradores – e semimanufaturados (-24,1%) – por conta de couros e peles, óleo de soja em bruto, celulose, alumínio em bruto, ferro-ligas e semimanufaturados de ferro e aço. As vendas de produtos básicos apresentaram crescimento (+11,6%), em virtude de minério de ferro, algodão em bruto, soja em grão e fumo em folhas.

Sobre a performance média diária dos embarques brasileiros em fevereiro deste ano (US$ 532,7 milhões), o desempenho foi mantido (0%). Entretanto, foram registradas variações nas exportações de básicos (+5,5%), manufaturados (-1,4%) e semimanufaturados (-13,8%).

Em março, até o dia 22, as importações totalizaram US$ 6,949 bilhões (média diária de US$ 463,3 milhões). Em relação ao desempenho médio diário registrado em março do ano passado (US$ 581,3 milhões), houve uma retração de 20,3%, em virtude das aquisições de produtos de cobre (-57,9%), combustíveis e lubrificantes (-48,7%), equipamentos eletroeletrônicos (-23,3%), veículos automóveis e partes (-21,7%) e instrumentos de ótica e precisão (-17,5%).

No comparativo com a média diária verificada em fevereiro último (US$ 434,5 milhões), foi registrada alta de 6,6%, por conta de combustíveis e lubrificantes (+27,5%), farmacêuticos (+21,1%), equipamentos eletroeletrônicos (+15,3%), veículos automóveis e partes (+13,6%) e aeronaves e peças (+11,5%).

O superávit comercial até a terceira semana de março – US$ 1,041 bilhão, com média diária de US$ 69,4 milhões – ficou 40,5% acima do verificado em março de 2008, quando a média diária chegou a US$ 49,4 milhões. Em relação a fevereiro deste ano (US$ 98,2 milhões), foi observada uma retração de 29,3%.

Ano

No ano, até a terceira semana de março, as exportações brasileiras acumularam US$ 27,360 bilhões, com média diária de US$ 506,7 milhões. Esse desempenho foi 20,7% menor que o registrado no mesmo período do ano passado (US$ 639 milhões).

As importações totalizaram, no mesmo período, US$ 25,076 bilhões, com um desempenho médio diário de US$ 464,4 milhões, valor 22,2% inferior ao verificado no mesmo período do ano passado (US$ 596,7 milhões).

O saldo comercial, no acumulado do ano, chegou a US$ 2,284 bilhões (média diária de US$ 42,3 milhões). Pelo critério da média diária, não houve variação em relação ao desempenho observado no mesmo período de 2008 (US$ 42,3 milhões).

Fonte: Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior
Publicada em 23/03/2009 | Redator(a): Assessoria de Comunicação Social do MDIC

Silbran Assessoria e Serviços em Comércio Exterior Ltda. © 2000-2017 - Todos os direitos reservados
Rua Benedicto de Abreu Freire, 20 - Vila Margarida - São Bernardo do Campo / SP | Brasil | Central de Atendimento: +55 11 4332-3811
Website desenvolvido por Marcio Cardoso - FocoSP.com